sábado, dezembro 29, 2012

Para refletir

CRÔNICA: Tenho saudade de quando eu era ingênua, porque hoje vejo as coisas e não consigo ficar calada.

Quando evoluímos sofremos mais porque começamos a ver mais as coisas e entender a dinâmica de tudo. Quando de certa forma era "alienada" eu não sofria tanto com o descaso, a indiferença, o egocentrismo, e tantas outras coisas, porque não perdia tempo analisando as coisas.

As pessoas cada vez mais estão egocêntricas, achando que o mundo gira ao redor delas. Que tudo deve parar porque essa está sofrendo, ou porque quer atenção, carinho. O que vejo, é falsidade, as pessoas disputam popularidade, as pessoas disputam quem é mais amigo de quem. Pura bobagem. Engana a si mesmo.

Poderia nem perder tempo falando disso, mas o fato, é que várias pessoas tem dito o mesmo. Pensei que eu estava sendo impaciente e intolerante, e de fato de algum tempo pra cá sim, principalmente porque vamos vendo muitas coisas. Deveria levar como muitos levam na hipocrisia e sorriso amarelo. Ahhh o dia que eu conseguir ser assim, de duas uma, ou morri, ou evolui, ou me tornei a mais hipócrita de todos.

Sei que as relações humanas precisam disso, de engolir sapos, de tolerar, de ter paciência, de ceder. Sei que o mundo não vai mudar porque quero. Mas que mania feia algumas pessoas tem... Vejo pessoas ajudando pessoas, e vejo pessoas sendo mal agradecidas, se sentindo a última bolachinha do pacote, porque afinal , quer todas as atenções voltadas, e acham que não precisam e nunca irão precisar novamente, e se esquecem a acolhida, as palavras sinceras e esquecem o verdadeiro sentido da palavra amizade.

Todo mundo quando passa algum problema pensa que o seu é maior do que do vizinho. Pois bem: Você já procurou saber um pouco mais quais os problemas do vizinho só pra comparar?

Está faltando amizade, está faltando amor, consideração, respeito. O que vejo é pura falsidade de alguns. Tá certo problemas delas. Não me acho melhor do que ninguém. Meu defeito é odiar injustiça.

Então é hora de rever as atitudes, porque muitas vezes, não enxergam né. Sou muito amorosa com as pessoas, mas cansei de ser com quem não merece. Quem merece recebe espontâneo, e vamos ser realistas: Amor não é dar tapinhas nas costas não, porque até o pior idiota as pessoas aplaudem pela maioria. Claro, as pessoas são queridas também, mas amor, não são teorias, e infelismente muitos por aí ficam falando te amo amigo(a). Ama coisa nenhuma!! Larga de ser falso(a)! Só olha pra ele mesmo!!!

Ao contrário do que estão acostumados a ler de mim, semppre coisas bonitas, todos nós temos um lado assim. Somos de carne e osso, e cansa ser idiota de todo mundo. Literalmente uma palhaça. Não cobro retribuiçoes por meu trabalho voluntário, mas que pelo menos haja educação, coisa que está faltando a muita gente. Ninguém é obrigado a ter ninguém que não queira aqui. Nem eu. Alguns, exclui. E to leve! Não que descarto amizades, mas odeio hipocrisia.

Quem ama, sim, mostra. Mas se o outro não merece? Se você dá carinho demais, ahhhh amor nenhum resiste a indiferença, a descaso, a falta de respeito. O amor não é orgulhoso, nem rancoroso, mas as pessoas são. Existe uma coisa acima do amor aos outros que se chama AMOR PRÓPRIO. E quando você o possui você não aceita receber nada abaixo do que falam a você.

Enfim, é meu ponto de vista. Fiz essa nota baseado no conceito de amizades. Antigamente as pessoas eram mais sinceras, menos interesseiras, mais honestas com elas mesmo. Hoje? tudo é comércio. comércio de si. Hoje vale muito mais a pena você ser voluntário(a) em um hospital, em um asilo, ajudar quem precisa de fato, porque realmente essas pessoas necessitam de carinho. Carência, eu tenho, você tem. Mas, fica doente pra você ver! Quando você é útil ao interesse das pessoas, vc é a melhor pessoa do mundo.

Sou sonhadora, romântica, mas vamos combinar, aprendi ser realista também, e esse choque com a realidade é o que muitos estão precisando....

Ninguém tem obrigação de nada. Nem de carregar o problema do outro, nem de carregar. Mas você já parou por um minuto de olhar seus problemas e perceber a necessidade do seu irmão? Falar d Deus, de amor de vida é fácil quero ver praticar. Se já parou pra pensar, já é meio caminho andado.
Anna Paulla
 

terça-feira, dezembro 25, 2012

Voltando...

Depois de quase 8 meses,volto aqui. O motivo do afastamento foi o meu notebook (velhinho) que não conseguia mais abrir o meu blog.Ficava travando e eu tinha o tempo todo que dar boot.
Esperei esse tempo todo e finalmente consegui comprar um novinho,lindo de viver e eis-me de volta.Ainda estou esquentando meus tamborins,mas enfim,vou tentar retomar o tempo perdido.

Bem feito.Quem Mandou estudar !

domingo, dezembro 23, 2012

Feliz Natal !

Que neste Natal,
eu possa lembrar dos que vivem em guerra,
e fazer por eles uma prece de paz.

Que eu possa lembrar dos que odeiam,
e fazer por eles uma prece de amor.

Que eu possa perdoar a todos que me magoaram,
e fazer por eles uma prece de perdão.

Que eu lembre dos desesperados,
e faça por eles uma prece de esperança.

Que eu esqueça as tristezas do ano que termina,
e faça uma prece de alegria.

Que eu possa acreditar que o mundo ainda pode ser melhor,
e faça por ele uma prece de fé.

Obrigada Senhor
Por ter alimento,
quando tantos passam o ano com fome.

Por ter saúde,
quando tantos sofrem neste momento.

Por ter um lar,
quando tantos dormem nas ruas.

Por ser feliz,
quando tantos choram na solidão.

Por ter amor,
quantos tantos vivem no ódio.

Pela minha paz,
quando tantos vivem o horror da guerra.

sexta-feira, dezembro 21, 2012

quinta-feira, julho 26, 2012

A POLÍTICA DOS EXTREMOS

O Brasil não tem mais jeito.Uma das perguntas que me vem frequentemente a cabeça e que não tem resposta.Por que nós,brasileiros permitimos que o governo gerencie só duas camadas sociais : o pobre e o rico ? É uma política perversa demais e somos enganados e temos a boca tapada por : Copa do Mundo,samba,cerveja e mulher.Aos pobres,não os extremos pobres,são dadas diversas benécias : bolsa-família,cartão cidadão-carioca,bolsa-estupro,auxílio reclusão e outras coisas mais,as quais são tiradas do bolso do trabalhador (classe média).Ao invés disso,deveriam dar condições de trabalho e salário digno para essa camada sobreviver.Sinto-me extorquida diariamente diante de tanta "bondade" às nossas custas.E os ricos então ? às vezes,isentos de impostos,como os políticos do nosso Brasil varonil.Estão todos "Deitados em berço esplêndido",assistindo ao grande espetáculo que é a deteriorização social e a exploração de brasileiros que trabalham de sol a sol.Fora a economia  e é feita dando ao funcionalismo um reajuste de 5%(quantia miserável) que não dá nem pra tapar o buraco dos dentes.Sinto isso,pois sou funcionária da Prefeitura do Rio de Janeiro e estou pasma com esse reajuste.Enquanto isso,às vésperas de campanha eleitoral são despejados cerca de 28 milhões de reais para propaganda e ainda se vangloriam da cara do "Zé Povinho" que aceitam de bom grado todas essas bolsas de custo em troca de votos.É a política dos extremos mesmo.Governo para os miseráveis e bem abonados.Enquanto isso,por comodismo,é claro,estamos sendo pisoteados,massacrados e pra culminar,cruzamos os braços e assistimos a tudo isso,inertes e passivos,sem fazermos absolutamente nada.Rimos...fazemos piada de algo que é muito sério.Acho que,somos muitos e "eles" poucos.Devemos unir toda a sociedade civil e na hora de votarmos,fazermos questão de lembrar o que foi feito com a população.Devemos votar conscientes,racionalmente,e não aceitarmos migalhas.

quarta-feira, junho 20, 2012

A Feliz Amizade do Rico e do Pobre (poesia de Anna Beatriz)

Tanta gente passando fome e eu aqui no poço de luxúria
comendo o que eu quiser
as pessoas passando muita,mas muita fome e eu jogando comida fora me achando a rica.
Olhei na minha janela,
vendo o pobre satisfeito com o que comia,
quando olhei bem para ele,
comendo com muita pressa,carne podre e arroz estragado,
senti pena dele.
Então,o chamei para entrar e ele não respondeu.
Com um simples rugido,falou :
- Sim,senhorita.
Então,com um sorriso enorme,nós entramos na casa.
Ele  mexia nas minhas coisas como  nunca tivesse visto ,
quando viu minha escada de ouro,fez um enorme sorriso.
Perguntei-lhe de onde ele era.Respondeu-me assim :
- Das ruas e do lixão.
E ela falou :
- Então,você não é de nenhum lugar.
-Você tem pai ou mãe ?
-Não sei se eles morreram ou me largaram !

Que pena ! Se você é do lixão,vai morar comigo então.


Quinze dias depois...

Agora,você já é um homem,mas infelizmente um dia morrerei
e então carregarei sua imagem na minha mente.

Anna Beatriz é minha aluna no quinto ano - turma 1501,na Escola Municipal Presidente Arthur da Costa e Silva _ Rio de Janeiro
A poesia escrita por ela,foi mantida literalmente  na íntegra e com os erros ortográficos para mostrar que se trata de uma criança de apenas 10 anos.
A partir de dois textos trabalhados na aula de português (Trem da Vida e O Bicho- Manuel Bandeira),ela escreveu essa belíssima narrativa poética.
Parabéns,Anna !!!

domingo, maio 20, 2012

Bebel,o presente mais lindo do mundo !

Atenção pessoal que maltrata animais Maltratar animais é crime previsto no artigo 32 da Lei Federal nº 9.605/98, com detenção de três meses a um ano e multa. A pena é aumentada em um terço em caso de morte do animal.
Bebel era uma gatinha mansa e dócil que vivia na escola onde trabalho a 24 anos.Ela foi levada pra lá por uma professora para espantar os ratos de lá.Minha antiga diretora aprovou a ideia e lá ela ficou.FRoi cuidada pela antiga moradora-residente.Viveu por lá cerca de 5 anos,não sei ao certo.No final de 2011,essa moradora teve que sair da escola,pois foi afastada pela aposentadoria.Não pode levar Bebel,pois onde foi morar não cabia a gatinha.Bebel,ficou na escola.A atual moradora,alérgica a gatos,colocava comida e água na porta de sua casa,mas não a deixava entrar nela.Começou o drama de Bebel.Sem lugar pra ficar,andava toda a escola e dormia nas estantes e livros das salas dos professores. Um belo dia,numa dessas reuniões,alguns professores falaram em dar chumbinho a ela,outros de jogarem ela na rua e outros falaram em jogá-la na Suípa(como se lá fosse uma maravilha).Indignada com o fato,comecei a chorar e veio a decisão.Levá-la pra minha casa foi a solução.Eu já tinha a Lucy (minha cadelinha) e seria um problema o relacionamento entre elas.Pedi ao meu marido que fosse buscá-la a qualquer custo. Estou eu aqui com Bebel.Foi vacinada,tem caminha confortável e tudo de bom que posso dar a ela.O que era um problemão pra aquela escola,foi um enorme presente pra nós aqui de casa.Amo Bebel e Lucy igualmente.São as minhas filhas queridas.Protegidas de tudo e de todos.Hoje,agradeço muito por não a terem querido na escola,pois o que era um castigo para eles,foi uma dádiva pra mim.Bebel é linda,boazinha,limpinha ,enfim o amor da minha vida. Te amo,Bebeca !

segunda-feira, janeiro 16, 2012

E no meu aniversário,meu marido escreve essa poesia linda pra mim

Eudes Honorato
Todos os Dias de Sua Vida

Eu não lembro da vida sem você
Lembro sim, de um tempo meio nublado
Indistinto, onde não consigo perceber
... A sua presença ali, ao meu lado
Nego e quero esquecer
Este tempo tão calado

Mas, depois de ti, você aconteceu
A rotina se tornou algo indomada
Restando apenas a alegria e eu
Isolando a nós dois, nesta ilha encantada
Atacando a tristeza que logo morreu

Onde mais eu poderia encontrar
Lugar algum havia me prometido
Ir adiante já era um modo de errar
Vi que queria mesmo era estar contigo
Então, não tive dúvidas sobre onde estar
Ignorando qualquer sentimento ambíguo
Recuse-me a um segundo mais esperar
Amando a ti como homem, amante a amigo

Hoje eu sei que não mais nos separamos
Ocasos e acasos temos juntos enfrentado
Na lua, para ver o pôr da Terra, nos sentamos
Odes a um amor de loucos, temos nós cantado
Rimos mais que duas crianças e, sim, brigamos
Antes assim que sermos dois aparvalhados
Temos mais dum do outro que pensamos
O que nos faz eternos apaixonados
Feliz aniversário,Lia,meu amor !
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...